Alda Antunes

Tenho uma grande família,
em número e em qualidade,
e todos os anos com muita alegria
nos juntamos num jantar para celebrar a afinidade.

Somos do centro, do norte e de Lisboa,
para nos juntarmos não é fácil,
mas a força de vontade é boa
para superar o que parece difícil.

É uma tradição familiar
que espero sempre continuar,
às vezes, certos anos, há menos um
mas o importante é o que temos em comum.

À minha filha quero transmitir
estes valores familiares,
espero que os queira seguir
pois são ímpares e salutares.