Filipa Cabral

2020 tinha tudo para ser o pior ano da história, mas para mim foi o melhor, porque foi neste mesmo ano que nasceu a minha adorada filha.