Maria Júlia Santos

Aprendi que o telemóvel, mais que tirar selfies, é uma forma de proteger a minha família e perguntar – estás bem filho? precisas de alguma coisa?